AMOR
Fátima Bernardes teve uma amiga cupido. Como ter mesma bênção?
Não gostamos de fofoca, mas de dádivas divinas sim! Virou notícia que foi uma amiga de trabalho que apresentou Fátima e o advogado pernambucano.
Também quer um cupido? Saiba escolher o seu.
(Foto: Shutterstock)

O bafo do momento é Fátima Bernardes saltitante em seu novo relacionamento com o advogado pernambucano Tulio Gadêlha. Viva o amor! A apresentadora teria conhecido o rapaz através de uma amiga em comum, uma produtora do programa “Encontros” que é amiga pessoal de ambos. A aproximação dos dois aconteceu em eventos sociais.

Compartilhe amor!

Fátima Bernardes e namorado curtindo juntos um passeio de bicicleta. (Foto: Reprodução/ Instagram)

Antes de você soltar uma indireta aí no escritório, avalie quem poderia assumir esta posição de cupido caso você esteja a fim de conhecer alguém com este empurrãozinho informal. Antes de nomear seu cupido para a missão “date”, pense que você estará colocando o seu coração em risco, ou seja, todo cuidado é pouco. Para ajudar na escolha, fomos pesquisar dicas de como eleger o cupido.

Como escolher um cupido para chamar de seu

  1. Procure uma pessoa que esteja vivendo ou já tenha vivido uma relação estável saudável. Provavelmente, a pessoa terá um faro natural para identificar um bom parceiro.
  2. A pessoa precisa saber o que você quer no momento. Você pode querer alguém para casar ou alguém apenas para compartilhar momentos legais em programas a dois por um tempo. Importante o cupido saber o seu real desejo para encontrar alguém que esteja na mesma vibe.
  3. É preciso também que a pessoa acredite de forma equilibrada no amor! Fundamental para cumprir a posição de cupido, não acha? Nem precisa de explicação esse quesito.
  4. Escolha para esta missão alguém que já tenha viajado com você, provavelmente, a pessoa te conhecerá melhor e já saberá o que lhe agrada ou não em uma companhia.
  5. Alguém que saiba lhe descrever é o ideal. É preciso que o cupido ou a cupido consiga apresentar você a outra pessoa, né? Ou corre o risco de passar uma imagem não muito verdadeira de você.
  6. Alguém que saiba do que você já viveu sentimentalmente. Muito importante! Só alguém que sabe dos seus perrengues emocionais, altos e baixos de relações anteriores, tem noção da sua bagagem emocional para eleger alguém a altura.

O Mais Mulher entende o universo feminino e traz informação sobre alimentação saudável, atividade física, yoga, amor, sexo, moda, comportamento e beleza em um só lugar.