AMOR
Vem que vamos te contar 5 curiosidades sobre o beijo na boca
Selinho, de língua, técnico, cinematográfico. Não importa a categoria, beijar é bom demais! Saiba mais sobre esse morador tão especial dos nossos lábios.
Curiosidades sobre o beijo.
Adora beijar? Então também vai adorar saber algumas curiosidades sobre o beijo. (Foto: Divulgação)

Sobre a origem do beijo, o antropólogo inglês Desmond Morris tem uma tese. O beijo viria de um hábito materno: o da mãe mastigar alimentos sólidos para passar à boca do filho. Algo primitivo, mas que ainda é costume em algumas tribos pelo mundo;

O beijo é capaz de fazer os nossos batimentos cardíacos aumentarem de 70 para 150 por minuto e nem precisa ser um beijão, um estalinho no objeto de desejo já mexe com tudo dentro da gente;

De acordo com a médica Martine Mourier, que estudou a fundo o beijo, os beijos mais apaixonados chegam a mobilizar 29 músculos do rosto simultaneamente;

Durante um beijo são liberados: a ocitocina, substância conhecida como o “hormônio do amor”, que diminui os níveis de estresse e aumenta a sensação de prazer e bem-estar; a dopamina e a serotonina que são hormônios relacionados à sensação de desejo e ao sentimento de posse do outro. Ficou curiosa? Sheril Kirshenabaum explica mais no livro The Science of Kissing;

Toda atenção agora para a última curiosidade, meninas!

A universidade americana de Albany validou a importância do beijo para que o casal engate ou não em uma relação. Dos participantes entrevistados no estudo, 66% das mulheres e 59% dos homens já haviam se interessado por alguém e perdido o interesse após o primeiro beijo.

O Mais Mulher entende o universo feminino e traz informação sobre alimentação saudável, atividade física, yoga, amor, sexo, moda, comportamento e beleza em um só lugar.