MUSCULAÇÃO
Exercícios com peso livre x Exercícios em aparelhos: Qual será a diferença?
Os resultados esperados dependem mais da disciplina nos treinos e na dieta. Entre peso livre e aparelhos, a diferença está em como o nosso corpo trabalha.

De certa forma, os pesos livres exigem maior estabilidade do corpo e, com isso, aumentam o trabalho dos músculos sinergistas (auxiliam no movimento) e estabilizadores, o que demanda maior coordenação do praticante.

Nos aparelhos, a exigência dos músculos estabilizadores e sinergista é menor, o que “facilita” o aprendizado e a execução do movimento. Outra característica do uso de aparelhos é a possibilidade de maior carga no exercício, já que não há preocupação com estabilização do corpo.

Ganho de força

Em relação a ganho de força a médio e longo prazo, não há diferenças entre uso de pesos livres e aparelhos. Ambos devem ser inseridos nos programas de treinamento para desenvolvimento de força, assim como nos que são para hipertrofia muscular.

Um detalhe legal é que existe uma forte correlação entre a transferência de força adquirida no treinamento com pesos livres para o teste de força máxima feito em máquinas ou no isocinético e vice-versa. Ou seja, eles podem ser complementares na conquista do seu objetivo.

Hipertrofia muscular e qualidade de movimento

Estudos de eletromiografia (técnica que permite medir o recrutamento e atividade muscular durante o exercício) mostram maior ativação dos músculos nos exercícios realizados com peso livre em relação ao mesmo exercício executado em aparelho. O aumento desta ativação muscular pode ser importante no trabalho de hipertrofia muscular.

Outro dado importante é sobre a transferência da força muscular para tarefas esportivas específicas. O treinamento com peso livre mostrou-se melhor em relação aos aparelhos. O praticante reflete maior coordenação entre os músculos sinergistas e estabilizadores, ou seja, melhora habilidades motoras esportivas.

Sobre risco de lesões

Não existe qualquer relação entre o aparecimento ou desenvolvimento de lesões e uso de peso livre ou aparelhos.

Benefícios gerais

Independente do nível físico do praticante, tanto os aparelhos como os pesos livres dão ganhos. Claro, para melhor aproveitamento do treinamento, vale considerar:

 

Aparelhos

Indicados para iniciantes que apresentem dificuldade na coordenação dos movimentos;

Oferecem maior facilidade durante a execução;

Possibilitam maior variedade de exercícios e isolamento de grupos musculares;

Têm maior mobilização de carga;

A princípio, são mais seguros para iniciantes.

 

Pesos livres

Indicados para qualquer nível de treino, porém, para os iniciantes, deve-se notar o grau de coordenação motora do praticante antes de incluir na série de exercícios;

Exigem maior estabilidade do corpo;

Recrutam maior ativação dos músculos estabilizadores;

Também exigem maior ativação dos músculos agonistas (responsáveis pelo movimento);

Trabalham com melhor transferência de força e potência para as tarefas esportivas.

 

Gostou de entender mais sobre como o seu corpo trabalha na academia?

As informações são do treinador Fabrício Miranda, da equipe do 30 Todo Dia.

O Mais Mulher entende o universo feminino e traz informação sobre alimentação saudável, atividade física, yoga, amor, sexo, moda, comportamento e beleza em um só lugar.