MULHERES
Chega de ostentação! Queremos inspiração e boas causas
Se você também é daquelas que não segue feeds com esta linha "fake", dá um follow nesses nomes abaixo e inspire-se com criatividade, humor e atitudes do bem.
Incluencers pela causa da representatividade.
Mais amor próprio no seu feed! (Foto: Canal YouTube Ju Romano)

Lugares de luxo, dicas de beleza patrocinadas, corpos sarados… Gente, bora falar de vida real, de bad hair day, de tarefas de casa, de momentos deprê diante do espelho, de planos que não saíram como o esperado e atitudes que realmente transformam o mundo ao redor? Post que gera frustração, inveja, descontentamento com o próprio universo não está com nada, só nos faz perder tempo.

Mas nem tudo está perdido nos canais sociais. Há muitas militantes de boas causas, sim! Há produtoras de conteúdo que nos representam e elas têm grande importância, que o Google não nos deixe mentir. A pesquisa por cabelos cacheados, por exemplo, já superou faz tempo a busca por cabelos lisos e a procura por penteados afro subiu 309% nos últimos dois anos. Lindo isso, não?

Ame-se fora dos padrões! E compartilhe seu amor por dentro e por fora de um post assim como elas.

Yara Shahidi

Você pode já tê-la visto na série Blackish da Netflix ou em capas de revistas de moda. Aos 17 anos e com mais de 1 milhão de seguidores, Yara Shahidi em vez de falar sobre temas banais em seus posts, aproveita sua audiência para divulgar o orgulho de ser negra e um pouco do seu universo cultural. Em seu profile, assim ela coloca: “We don’t integrate, we recreate” (Nós não integramos, recriamos).

O discurso lindo acima de Yara foi no prêmio Essence’s Black Women In Hollywood em março. A legenda é automática, então não traduz literalmente tudo que é dito por ela, mesmo assim é possível entender o teor do recado pela representatividade, de emocionar.

Tracee Ellis Ross

Influencers do bem! Conheça alguns nomes para seguir pela causa.

Tracee naturalmente bela. (Foto: Reprodução/ Instagram)

Filha da cantora Diana Ross, 44 anos, fashionista de sucesso, com mais de 3 milhões de seguidores no Instagram. Tracee Ellis Ross podia só compartilhar seu mundo de glamour e privilégios, só que não, prefere usar sua posição sendo mais uma ativista contra o preconceito, falando de beleza com os desafios reais do universo feminino e apoiando causas que ajudam a praticar tudo que prega: liberdade, igualdade e alegria.

Loo Nascimento

Incluencers pela representatividade!

Pela representatividade da beleza e cultura negra. (Foto: Reprodução/ Instagram)

Luana Nascimento é um nome brasileiro de peso entre as influencers de causas. Criadora da marca Dresscoração, além de garimpar estampas africanas para criar coleções de roupas limitadas, ela faz palestras e participa de eventos que incentivam a valorização cultural e o fim do preconceito.  Por mais presença da beleza negra! “Temos resistido às ondas marqueteiras e pressionado a ocupação de espaços tidos como de elite, como é o caso da moda”, declarou Loo à resvista Elle.

Ju Romano

Mais uma influencer que nos faz plenas e poderosas! A blogueira Ju Romano, que dá dicas de moda e beleza para o público plus size, virou referência quando o assunto é amor próprio, independente de quanto marca a balança. Gordofobia (repulsa a quem está acima do peso) é uma realidade cotidiana muito perpetuada pela mídia e suas beldades magras e bem-sucedidas. Mas nós podemos mudar isso sendo gente de verdade, celebrando nossa diversidade! Você também vem?

Aqui, ela dá um clique para acordar nossa autoestima:

Meninas, suas lindas, obrigada por nos representarem!!

💋

O Mais Mulher entende o universo feminino e traz informação sobre alimentação saudável, atividade física, yoga, amor, sexo, moda, comportamento e beleza em um só lugar.